May 13, 2011

Carta de des(amor) *


Sinto muito por ter sido impaciente demais. Sinto muito por não ter tolerado a demora de seus pensamentos. Eu deveria ter sido mais leve, mais calma. Deveria ter cuidado com mais carinho, ter dado mais atenção, observado seu silêncio.
Deveria ter feito mais cafuné em sua cabeça, ter aproveitado mais dos seus abraços. Deveria também ter ouvido mais sobre sua vida, seus planos e ideias. Deveria ter ouvido principalmente a voz do meu coração quando dizia para te olhar nos olhos e dizer exatamente o que eu sentia em vez de deixar o orgulho me dominar, imperando aquela personalidade forte e austéra.
Mas, do que adiantaria ter dado mais carinho e atenção, ter observado seu silêncio, ter feito mais cafuné em sua cabeça, ter aproveitado mais dos seus abraços, saber sobre você e ouvir a voz do meu coração, se não era pra dar certo nós dois?
Fomos apenas mais uma experiência um na vida do outro, para aprendermos que só existe uma única “tampa” para a nossa “panela”.
Não há nada de errado com a gente. Você só não nasceu pra ser meu.

2 comments:

  1. texto real?
    bom, só sei que gostei muito da conclusão... dá pra ver que já foi aceito e superado.. xD
    bjusss

    ReplyDelete
  2. This comment has been removed by the author.

    ReplyDelete

Compartilhe sua ideia: